top of page
Buscar
  • Foto do escritorProseg Seguros

Zurich lança campanha com foco no seguro celular

Seguradora oferece gratuitamente de 3 a 6 meses adicionais de cobertura para os clientes que adquirirem o seguro para aparelhos 5G


De acordo com pesquisa da consultoria GfK Brasil, a chegada do 5G fez cair o preço de aparelhos celulares com essa tecnologia, ao mesmo tempo em que cresceram as vendas. Foram 17,5 milhões de unidades comercializadas em julho face a 6,7 milhões em janeiro desse ano, um crescimento que ultrapassa 230%, enquanto os preços desses equipamentos caíram 30% no mesmo período. Aparelhos não compatíveis com a 5ª geração da internet móvel, por outro lado, têm sido cada vez menos comercializados.


“A exemplo do que ocorreu em outros países em que foi implantado, o 5G deve promover uma revolução no mercado brasileiro, tanto de smartphones quanto de outros aparelhos inteligentes”, explica o diretor executivo de Parcerias da seguradora, Luís Reis.


Para o executivo, celulares mais sofisticados em circulação terão outro efeito mais imediato: o impulsionamento dos seguros para esses equipamentos, um fenômeno que a seguradora, como líder do setor, acompanha de perto. O seguro de celular está alocado em um ramo da Susep (Superintendência de Seguros Privados) chamado Riscos Diversos, que engloba, por exemplo, roubo ou furto de cartão. Dados da entidade apontam que até junho de 2022, esse ramo teve um crescimento de 21,4% em relação ao mesmo período de 2021, com mais de R$ 1,9 bilhão em prêmios.


Ainda segundo o executivo, um efeito menos imediato no mercado deve ser o crescimento da comercialização de outros equipamentos conectados, como eletrodomésticos, por exemplo.


“A tecnologia oferece mais que velocidade: ela potencializa também a Internet das Coisas, já que permite melhor conexão de outros equipamentos além de celulares e computadores, como eletrodomésticos, entre os quais geladeiras e televisores, e até roupas, os chamados wearables”.


Exatamente por este motivo, para o executivo, a tecnologia também pode fomentar produtos como o seguro de garantia estendida. A Zurich, que tem 11 milhões de clientes em carteira e também é líder, com 39,5% de marketshare, somou R$ 624 milhões em prêmios de janeiro a junho, valor 9,5% maior que no mesmo período do ano passado. Em todo o mercado segurador, que no período somou 1,6 bilhão em prêmios, a evolução foi de 2,6%.


Campanha oferece meses de proteção adicional para celulares com tecnologia 5G


Tendo como um de seus pilares a confiança em uma sociedade digital e de olho nas transformações do mercado, a Zurich lançou nesta semana uma campanha focada no seguro celular, válida por todo o mês de setembro.


Nesse período, quem adquirir um celular compatível com a tecnologia 5G e, junto com ele, contratar uma apólice de seguro da seguradora para o aparelho, vai ganhar alguns meses adicionais de proteção. A empresa vai oferecer gratuitamente 3 meses adicionais de proteção para aqueles que contratarem o plano de 12 meses e 6 meses adicionais de proteção para aqueles que contratarem plano de 24 meses, de acordo com a opção comercializada por cada um dos nossos parceiros.


“Já estamos vendo um forte movimento de crescimento de vendas de aparelhos com a tecnologia 5G e queremos ajudar os consumidores interessados em embarcar nessa nova tecnologia a protegerem o seu patrimônio”, aponta Reis.


Para além do hardware


A campanha da Zurich se dá em um momento de aumento cada vez mais agudo dos roubos e furtos de celulares. Segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em 2021, foram cerca de 100 celulares roubados ou furtados por hora no país, mesmo em um contexto de menor circulação de pessoas devido à pandemia.


“Se antes os roubos de celulares se davam por conta do interesse pelos aparelhos, cada vez mais têm sido provocados também pelo conteúdo deles, principalmente os aplicativos de bancos”, explica Reis. “Esse tipo de crime cresceu substancialmente desde que o Pix foi lançado. A cada três crimes cometido no país, esse é o mais frequente”.


A Zurich também oferece seguros para operações eletrônicas indevidas, que embora não façam parte da campanha promocional, continuam sendo oferecidos por meio de quatro instituições financeiras parceiras da seguradora, como Banco Mercantil, C6 Bank e Sicoob.


“O seguro que oferecemos para essas operações tem sido muito bem recebido pelo mercado. Desde que a seguradora passou a oferecer esse tipo de produto, em fevereiro deste ano, mais de 150 mil apólices foram comercializadas”, comenta o executivo.


“Tanto com este seguro quanto com o seguro para celulares, queremos que as pessoas tenham mais tranquilidade e segurança, podendo contar com a proteção caso passem pelo infortúnio de serem vítimas de crimes como estes”, finaliza o executivo.


8 visualizações0 comentário
bottom of page